Métricas no marketing: entenda de que forma elas apontam o desempenho da empresa

banner

Quando uma empresa se propõe a desenvolver estratégias de divulgação, ela precisa prestar atenção às métricas no marketing.

Especialmente no marketing digital para empresas, que é baseado em interações em tempo real, as métricas são fundamentais.

Existem muitas variáveis que precisam ser monitoradas no dia a dia. Isso garante que as estratégias possam ser aprimoradas quando for necessário, além de dar informações para a empresa conhecer seus clientes a fundo.

Sendo assim, percebe-se que marketing digital e as métricas andam de mãos dadas.

Portanto, leia o texto a seguir e saiba mais sobre esse conceito, porque é importante acompanhar as métricas, a importância de mensurá-las e quais são os principais exemplos.

O que são métricas?

No jargão do marketing, as métricas são as informações que dão a dimensão do sucesso ou do fracasso de uma campanha.

Sendo assim, todo tipo de ferramentas, plataformas e redes sociais voltadas para o marketing digital tem uma série de dados que podem ser acessados pelos usuários.

A partir desses dados, as empresas podem retirar métricas importantes. Alguns exemplos são:

  • Número de cliques;
  • Taxa de retenção;
  • Custo por lead (CPL);
  • Custo de Aquisição de Clientes (CAC).

Suponha que uma vendedora de produtos para salão de beleza linha profissional fez uma série de promoções ao longo da semana no seu perfil no Instagram.

Ela precisa se atentar para as métricas listadas acima para identificar se sua estratégia realmente deu certo.

Isto posto, no tópico a seguir, vamos falar mais sobre a importância de acompanhar as métricas de perto.

Por que é importante acompanhá-las?

As métricas são parte integrante de toda estratégia de marketing. Mas, caso você ainda não esteja totalmente convencido disso, leia a lista a seguir.

Aqui estão os principais motivos pelos quais você não pode deixar de fazer o acompanhamento das métricas.

Maximização de resultados

Com a evolução das mídias digitais, mensurar métricas se transformou em uma atividade muito mais simples e necessária.

Basta pensar que nos tempos de marketing tradicional qualquer tipo de produto ou serviço era anunciado por meios que não permitiam esse acompanhamento.

Um despachante não tinha a possibilidade de saber quantas e quais pessoas tinham visto seus anúncios no jornal, por exemplo.

Por outro lado, na internet todos podem saber detalhes dos perfis que são expostos aos seus anúncios.

Essa acessibilidade é essencial para aprimorar o planejamento de cada ação, e por consequência, maximizar os resultados.

Nesse caso, anúncios de despachante virtual tem mais chances de sucesso.

Mais informações sobre os clientes

O aspecto mais importante de qualquer empreendimento é o perfil dos seus clientes. É a partir de dados como preferências e taxa de engajamento que a empresa sabe como prosseguir as estratégias.

As métricas são vitais nesse processo. Afinal, elas revelam quais são os comportamentos das pessoas diante de campanhas corporativas.

Se um acompanhamento minucioso e regular for feito, seu negócio vai ter mais dados para identificar exatamente o que as pessoas buscam.

Sendo assim, quanto mais métricas forem analisadas, mais informações a respeito dos leads a empresa vai ter.

Termômetro de eficiência

Suponha que você trabalhe no ramo de instalação de climatizador. Ter acesso ao número de clientes atendidos mensalmente é imprescindível para ter noção da saúde financeira do negócio.

As métricas também servem como um termômetro da eficiência das empresas. As estratégias de marketing estão sempre mudando, já que o meio virtual é veloz e o público precisa de novos estímulos a todo tempo.

Nesse contexto, ter uma maneira confiável de identificar quando uma estratégia não está mais funcionando é um grande diferencial.

Mesmo as ações mais consagradas podem parar de surtir efeito com o passar do tempo.

Por isso, fique atento às métricas para mudar seu curso de ação a tempo de não perder clientes.

Direcionamento financeiro

É preciso saber onde investir quando se trabalha com marketing digital. As possibilidades são vastas, ter segurança sobre os gastos é importante para evitar investimentos falhos.

Quando o gestor tem acesso a métricas atualizadas, ele tem certeza sobre quais investimentos devem ser feitos.

Isso inclui saber retirar dinheiro de certos âmbitos para aplicá-lo em outros.

Conheça as principais métricas

Agora você sabe porque as métricas são tão fundamentais. No entanto, a grande quantidade de dados que podem ser analisados fazem com que selecionar os mais importantes precise de um certo planejamento.

Sendo assim, confira quais são as principais métricas de marketing na lista a seguir. Com elas, a divulgação de uma empresa que parcela IPVA e multas, por exemplo, tem muito a ganhar.

Retorno sobre Investimento

O ROI é provavelmente a métrica de marketing mais clássica, ele indica o retorno financeiro de determinadas estratégias.

Para isso, basta subtrair o ganho de cada campanha do valor que foi investido e dividir o resultado pelo valor aplicado.

A partir dessa conta simples, sua empresa tem dados concretos sobre a rentabilidade  de cada ação.

Taxa de conversões

A taxa de conversão indica a porcentagem de leads que fechou negócio com uma empresa em um período de tempo pré-determinado.

Ela também revela o tipo de interações que cada lead está realizando no site ou nas páginas relacionadas com a empresa.

É uma métrica própria para mapear o comportamento dos leads e identificar padrões.

Uma loja de móveis, por exemplo, consegue mapear se possíveis clientes interessados em comprar sala de jantar completa estão sendo atingidos pela campanha em questão.

Uma taxa de conversões alta significa que as estratégias estão fazendo sucesso, mas uma taxa baixa sinaliza que é preciso fazer alterações.

Faturamento

O faturamento é uma métrica adequada tanto para negócios fora do ambiente digital, quanto para empresas ligadas à internet.

Trata-se do lucro do empreendimento antes do pagamento das despesas básicas.

Acompanhar essa métrica é de extrema importância para saber como vai a saúde financeira do empreendimento.

Afinal, o faturamento condiciona todos os setores de uma empresa, desde a contratação até as vendas finais.

Custo por Lead (CPL)

Adquirir leads demanda conteúdos específicos e um acompanhamento detalhado. O Custo por Lead é a métrica que identifica qual é o custo para converter cada lead.

Ele é calculado a partir da razão entre a taxa de conversão de leads e o custo total da campanha abordada.

Se empresas de refrigeração e climatização RJ ou mesmo empresas de instalação de ar condicionado na região de Campinas, apostaram em anúncios digitais para atrair novos clientes, elas precisam calcular o CPL de modo a medir o sucesso das campanhas.

Ticket médio

O ticket médio é a média de valor que cada cliente gasta com a sua empresa. Para descobrir esse valor, basta dividir o faturamento de certo período pelo número total de clientes desse mesmo período.

Ele é útil para saber quais são os produtos mais procurados pela base de clientes, além de indicar o quanto ela está disposta a fazer negócio com você.

A partir disso, a empresa pode definir quais serão os objetivos das próximas campanhas de marketing.

Se o ticket médio estiver baixo, é possível trabalhar para que ele aumente.

Bounce rate

A taxa de rejeição ou bounce rate representa a quantidade de usuários que visitaram seu site sem interagir.

Sendo assim, são as pessoas que te encontraram na web, mas não foram atraídas o suficiente para navegar pelas suas páginas.

Quanto menor a taxa de rejeição, melhor. Se ela estiver alta, é hora de reavaliar todos os elementos do seu site, desde o layout e o conteúdo até as estratégias de marketing.

Se os anúncios de ofertas de carvão ativado preço kg conquistaram muitos cliques, mas não se traduziram em vendas, é sinal de que a taxa de rejeição está alta.

Lifetime Value (LTV)

O Lifetime Value quantifica o quanto um cliente em específico representa para a empresa durante todo o relacionamento.

Essa métrica é importante para que a empresa saiba quais são os clientes mais fiéis e possa desenvolver estratégias direcionadas especialmente para eles.

As pessoas gostam de ser tratadas com diferenciação e exclusividade. Para clientes com LTV alto, é interessante pensar em ofertas especiais e produtos personalizados, por exemplo.

Taxa de abertura de e-mails

O e-mail marketing é uma tendência forte no marketing digital. Os e-mails seguem sendo meios de comunicação muito utilizados e são adequados para direcionamento de conteúdos exclusivos.

O ideal é pensar em formatos de e-mail que sejam convenientes para seu negócio. Por exemplo, as newsletters são perfeitas para manter os clientes atualizados de forma dinâmica.

Por isso, acompanhar a taxa de abertura de e-mails é tão importante.

Saber exatamente quantas pessoas abriram a newsletter e interagiram com ela é o primeiro passo para desenvolver melhor o produto e estudar o comportamento dos seus clientes.

Considerações finais

O objetivo deste texto foi dar as informações básicas sobre as métricas de marketing. Entrar em contato com elas é fundamental para alavancar suas vendas.

Afinal, não basta investir em uma segmentação diferenciada para anúncios de consultoria fiscal e tributária  se os profissionais envolvidos não acompanham os resultados das campanhas, por exemplo.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Business Connection, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.


Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Menu Title